Quarta-feira, 28 de Novembro de 2007

CHEIAS DE 25 DE NOVEMBRO 1967, LISBOA

PAVANA

Água, pedras, lama;

Gritos, prantos e suspiros.

Pessoas mortas, arrastadas;

Corpos perdidos no vazio.

E os poderes ausentes...

E a Igreja longe...

Ah! Mas veio a Polícia...

Veio a polícia

Com quem quis receber

A renda devida

Por um tecto já perdido!

Vieram também

As caridosas damas

Com uma lata de sardinhas

Para as cinco crianças

De uma família!

E só estudantes...

E só estudantes

Sujaram as mãos

Fazendo a sementeira

Dos cravos deAbril!

São Banza

Quando um povo esquece o passado, fica sem futuro!!

sinto-me: MAL!
música/livro: "OS VAMPIROS"- Zeca Afonso
publicado por São Banza às 16:15
link do post | Que diz ? | Outras pessoas disseram... (3) | favorito
|
Domingo, 25 de Novembro de 2007

25 DE NOVEMBRO : DIA CONTRA A VIOLÊNCIA DE GÉNERO

ABAIXO A VIOLÊNCIA DE GÉNERO:

HUMANIDADE NÃO TEM SEXO!!

sinto-me: MAGOADA E TRISTE!!
música/livro: "Carmen", ópera de Bizet
publicado por São Banza às 03:18
link do post | Que diz ? | Outras pessoas disseram... (2) | favorito
|
Quinta-feira, 22 de Novembro de 2007

VIOLÊNCIA DE GÉNERO

25 DE NOVEMBRO , 2007

DIA MUNDIAL CONTRA A VIOLÊNCIA DE

GÉNERO !!!

Luta e denúncia e muita coragem são necessárias para acabar com o flagelo da violência sobre as mulheres: que não nos faltem!!

 

sinto-me: ULTRAJADA!!
música/livro: FLAMENCO
publicado por São Banza às 12:52
link do post | Que diz ? | Outras pessoas disseram... (2) | favorito
|
Quinta-feira, 15 de Novembro de 2007

VIAGEM GALAICO - PORTUGUESA

Viva! Para vosso prazer, espero eu, pus à vossa disposição o Minho e a Galiza em:   http://ourocru.spaces.live.com/   
Agradeço comentários, mas agradeço ainda mais que não sejam nos álbuns!
Boa Viagem!!      

 

 

sinto-me: FELIZ!!
música/livro: FUXAN OS VENTOS : "SEMENTEIRA"
publicado por São Banza às 18:52
link do post | Que diz ? | Outras pessoas disseram... (4) | favorito
|
Terça-feira, 6 de Novembro de 2007

DESPEDIDA

Não tenho paciência para complicações desnecessárias, além de que tenho uma difícil relação com máquinas.

Consequentemente não estou disposta a perder mais tempo com as dificuldades do Sapo.

Por isso, decidi mudar de casa.

A todas as pessoas que por aqui passaram , muito particularmente àquelas que me deram o gosto de dialogarem comigo, venho informar do meu novo endereço:

   http://saobanza.blogspot.com/

Fico aguardando a vossa presença : a casa continua aberta a quem vier por bem!!

Então, até já...

sinto-me: LIBERTA!!!
música/livro: Carlos Paredes:" Movimento Perpétuo"
publicado por São Banza às 00:57
link do post | Que diz ? | Outras pessoas disseram... (7) | favorito
|
Segunda-feira, 5 de Novembro de 2007

CLANDESTINOS

Acabei de ver un documentário sobre o drama das pessoas cujas insuportáveis condições de vida (?) as obrigam a afrontar todos os riscos, acabando muitas vezes por encontrar uma morte cruel e sem sentido.

Quem consegue aportar à suposta terra da grande oportunidade, percebe logo - e da pior maneira! - que deixou de ser uma pessoa com direitos e deveres para se transformar em clandestino/a.

Sobre esta tragédia sem nome vos deixo aqui um poemeto meu, que para ganhar todo o significado deverá ser contextualizado com a canção" Clandestino", de Manu Chao.

A apreciar no excelente blog do meu caro amigo Desiderio Benito :

                http://sensacionesmusicales.blogspot.com/

           CLANDESTINOS

Todos nós

somos clandestinos

sobre uma Terra

que não nos pertence

e onde só nos restam

três palmos de sepultura.

Uma referência especial para o meu bom amigo José Gonçalves, a quem sinceramente desejo muitas felicidades neste seu dia de entrada-na-terra!

Boa semana!

sinto-me: Revoltada!
música/livro: Manu Chao - "Clandestino"
publicado por São Banza às 02:28
link do post | Que diz ? | Outras pessoas disseram... (12) | favorito
|
Domingo, 4 de Novembro de 2007

AGRADECIMENTOS

Para quem me honrou ao incluir-me na lista dos seus blogs preferidos, toda a minha gratidão e a promessa de tudo tentar para não vos defraudar e estar, assim, à altura da responsabilidade!  

Eu própria tenho uma lista de blogs que aprecio muito, só que não consigo convencer o SAPO a receber seja o que for. Já pedi socorro a quem poderá mediar este desentendimento, mas terei que aguardar a disponibilidade do "técnico"...

Agradeço também a quem me tem oferecido símbolos fraternos de "compagnons de route", mas a razão de não os mostrar aqui é a mesmíssima conflitualidade entre a minha pouca habilidade para maquinetas e o SAPO.

Aliás, como o batráquio dificulta um pouco a postagem,o mais provável será eu mudar daqui, mais tarde ou mais cedo. Até porque a inclusão de vídeos também parece não funcionar...

Para colmatar um pouco este estado de coisas, tenho utilizado o seguinte endereço, onde espero ter o gosto da vossa companhia :

http://ourocru.spaces.live.com/

Para todas as pessoas que me têm dado o prazer da sua palavra, o meu sincero Obrigada!

A casa é vossa!

Um Domingo feliz!

sinto-me: Flores do campo para vós!
música/livro: Hino da Alegria
publicado por São Banza às 11:20
link do post | Que diz ? | Outras pessoas disseram... (10) | favorito
|
Sábado, 3 de Novembro de 2007

RESSACA

Peço muitas desculpas, mas ainda estou de ressaca relativamente a ontem e esta escandaleira da Casa Pia (etc,etc,etc) só agravou o meu já mau estado de humor.

Aqui vos deixo mais um poemeto meu:

 

Nos velhos olhos precoces

Daquele velho menino

Existem velhas verdades

Que as velhas bocas não dizem:

Falam de fome e miséria,

De cansaço e de vício,

De tudo o que o matou

Ainda antes de viver

E que as pessoas ditas honestas

Têm medo de saber!

OBRIGADA!

sinto-me: Mal
música/livro: Hoje é o silêncio...
publicado por São Banza às 00:42
link do post | Que diz ? | Outras pessoas disseram... (24) | favorito
|
Sexta-feira, 2 de Novembro de 2007

DIA DE DEFUNTOS

Dia de Defuntos, festejado no México e instituicionalizado aqui.

Dia que me deu a notícia de que Alice e Inácio se renderam, após meses e meses de luta e dores, aos tumores malignos que os minavam sem piedade.

Ela, por morte natural; ele, por suicídio.

Por isso, aqui ponho em partilha um profundo poema de ManDrag,Senhor dos Dragões, onde dá conta da angústia que sempre acompanha a derradeira viagem.

Não há portas para abrir ou fechar

não há caminhos a percorrer

tens apenas de te manter desperto

no grande sono de Hades.

Serás sonhado

e as hediondas criaturas passarão por ti

através de ti

e em ti soltarão os teus medos

chamando-te ao baile.

Mas onde irás tu acostar a tua barca

se o Senhor Negro ainda não chamou o teu nome?

Luz e Paz para quem já atravessou a fronteira!

sinto-me: Triste.
música/livro: Marcha Fúnebre
publicado por São Banza às 11:30
link do post | Que diz ? | Outras pessoas disseram... (14) | favorito
|
Quinta-feira, 1 de Novembro de 2007

CASA COM "ALPENDRE"

Tenho, graças a Deus, um círculo de amizades forte e constituído por pessoas de valor, com valores, sensibilidade e capacidade de indignação face às injustiças e desvergonhas que pululam por aí.

Como se não bastasse, acumulam com talento para diversas artes. Como, por exemplo, a escrita.

Neste grupo, inclui-se o meu querido João Carlos Pereira, que me deu a honra de escrever o prefácio do meu livro "Em Ouro Cru".

Pois é deste Homem feito em partes iguais de enorme sensibilidade e de uma vontade de ferro para lutar pelas suas convicções, que vos deixo este belíssimo poema.

                                   ALPENDRE

De súbito,a plenitude, a felicidade.

Sob o alpendre, a mesa posta, farta, e a família à volta.

Era serena a tarde, com verdes e azuis

e voos de pássaros estivais.

As manchas do jasmim e das roseiras

coloriam o eco das palavras,

os risos tranquilos e os gritos alegres das crianças.

Nenhuma dor, angústia ou névoa a ensombrar

os olhos luminosos e os sons de pétalas e cristais.

Sob o alpendre,

naquele puro instante, nenhuma dor havia.

E, no entanto, até a mesa, maciça e nova,

silenciosamente apodrecia.

Sinceramente, a minha casa(esta nossa casa) não ficou linda com este "alpendre"?...

Bom feriado!

sinto-me: Iluminada
música/livro: "Entre dos aguas" - Paco de Lucia
publicado por São Banza às 07:29
link do post | Que diz ? | Outras pessoas disseram... (10) | favorito
|

.Conheça-me melhor

.pesquisar

 

.Dezembro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


.posts recentes

. NATAL

. FLORBELA ESPANCA

. A FERNANDO PEIXOTO

. JOGOS PARA-OLÍMPICOS 2008

. DIA MUNDIAL DA FOTOGRAFIA

. QUEDA COM HISTÓRIA

. TEMPO DE REPOUSO

. " A CATEDRAL"

. INFORMAÇÃO

. ABRIL : LIBERDADE !

.Memórias

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

blogs SAPO

.subscrever feeds