Quarta-feira, 24 de Outubro de 2007

A KATE MCCANN

Segundo li , parece que pretende abandonar a medicina para se dedicar a cuidar de crianças.

Devo dizer que me surpreende muito esta sua intenção, para mim, peregrina de todo.

Gostaria de saber as motivações para esta decisão.

São remorsos? ... É  conselho da vossa vasta equipa de assessores, neste caso, de imagem?... Que se passa por detrás dessa vossa fachada tão bem montada e respaldada até por Gordon Brown? A propósito será que ele se interessa tanto pelas 800 crianças desaparecidas em Inglaterra só nos primeiros vinte dias após o crime do Algarve como por Madeleine?

Não percebo como é que uma mãe que , para se ir divertir com amigos, dá sedativos a crianças tão pequenas abandonando-as durante horas num país estrangeiro se lembra agora de ir cuidar de crianças.

E ainda me é mais difícil compreender quando essa mesma mãe utliza duas crianças de tenra idade no circo mediático que provocou e as entrega a estranhos para andar a passear-se pela Europa, de mão dada com um pai que também não me convence.

Só espero que as pessoas  conservem algum bom senso e não deixem crianças sob a sua (ir)responsabilidade!!

Por agora, nada mais!

sinto-me: Estarrecida.
música/livro: Leonard Cohen-"Everybody Knows"
publicado por São Banza às 13:13
link do post | Que diz ? | favorito
25 comentários:
De gilberto_duwens a 24 de Outubro de 2007 às 16:35
Em primeiro lugar à minha "netmiga" :), Depois e em bom transmontano, «essa história já me está a resvalar da cabeça». Enquanto as ditas revistas cor-de-rosa e os jornais sensacionalistas, continuarem a publicitar esses doutores da mula russa, eles vão continuar a arranjar os seus estratagemas e vão continuar a iludir o publico. O acto selvagem de sedar os filhos, já por si só, é punivel qb. A unica coisa que não percebo neste caso, é o porquê de ainda não terem sido presos de uma vez, pois não acredito na sua inocÊncia. Nem eu nem muita boa gente. E andam estes ingleses a gozar com meio mundo, até com o Papa. Só me ocorre uma coisa para dizer... "F...s da P..., fora a mãe que (se calhar) não tem culpa). Desculpe o termo.


De São Banza a 24 de Outubro de 2007 às 19:25
É bom vê-lo por aqui.
Gostei da frase transmontana, que não conhecia.
Quando me contaram o acontecido, a minha primeira frase foi "É uma história muito mal contada!"
Só que em Portugal as pessoas embarcam com muita facilidade nos (pseudo)dramas e no choro. Por alguma coisa, o fado considerado a canção nacional, não é?`
E o hábito de pensar por si também não está muito enraízado...
Mas que deveriam estar presos e sem as outras crianças, acho que sim.
Saudações!


Reflexão sobre o post

.Conheça-me melhor

.pesquisar

 

.Dezembro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


.posts recentes

. NATAL

. FLORBELA ESPANCA

. A FERNANDO PEIXOTO

. JOGOS PARA-OLÍMPICOS 2008

. DIA MUNDIAL DA FOTOGRAFIA

. QUEDA COM HISTÓRIA

. TEMPO DE REPOUSO

. " A CATEDRAL"

. INFORMAÇÃO

. ABRIL : LIBERDADE !

.Memórias

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

blogs SAPO

.subscrever feeds